NavCargo

RADAR EXPRESSO: TUDO O QUE VOCÊ PRECISA SABER PARA HABILITAR SUA EMPRESA

Entendendo o Radar Expresso

A partir desse ano, quem estava pensando em importar poucas quantidades para importação, conta com uma facilidade na obtenção do Radar Expresso.

Para quem não sabe, RADAR é o registro obrigatório que a empresa deve fazer junto a Receita Federal, se quiser importar ou exportar. Já falamos sobre o RADAR SISCOMEX aqui.

A Receita Federal publicou uma nova Instrução Normativa (RFB Nº 1603, DE 15 DE DEZEMBRO DE 2015), onde ela cria a modalidade expressa para Operador OEA e para empresas com operações abaixo USD 50.000,00 a cada 6 meses, na importação.

Vale lembrar que não há limites para exportação.

O procedimento de obtenção do RADAR Expresso é muito mais simples e rápido.

A análise da receita federal sai em até 2 dias úteis.

Acreditamos que isso fará com que mais empresas se habilitem, e se aventuram no comércio exterior.

Nessa modalidade não haverá verificação de capacidade operacional ou capacidade financeira. Somente cadastro.

Isto é importante, porque exime a obrigação da empresa provar capital social.

Download CheckList Radar Expresso
Download CheckList Radar Expresso

Após estar habilitada, a empresa passa a ter acesso ao sistema Siscomex onde poderá registrar as transações em comércio exterior.

É no Siscomex que ocorre o credenciamento dos respectivos representantes da empresa para a prática de atividades relacionadas com o despacho aduaneiro.

 

Além disso, também é importante se atentar ao período.

O  radar precisa ser habilitado somente uma vez, desde que seja feita ao menos uma importação no período de 18 meses.

Caso não haja nenhuma movimentação, o radar fica inativo.

Nesse caso, será necessário realizar um novo procedimento de habilitação.

Importante salientar que nessa modalidade, caso haja o indeferimento só poderá apresentar novo pleito após 6 meses.

Vemos cada dia que passa um passo a mais em frente à modernização e ao atendimento da necessidade de cada empresa diante do fisco.

A Receita resolveu fazer o processo ficar mais célere através da simplicidade.

Pois querem ajudar principalmente as empresas que são mais focadas na importação.

Continua precisando do E-CPF, dos formulários, do contrato e suas alterações contratuais.

Cada Receita é uma receita e os fiscais sempre podem solicitar mais documentos por meio de intimação.

Sempre que preciso, pode mudar de modalidade, ir de Expressa para Limitada, de Limitada para Ilimitada.

Restou dúvidas sobre o Radar Expresso?

Mande um emailzinho para contato@navcargo.com.br que estamos a disposição sempre!